BLOG POSTS

Refugiados são bem-vindos aqui!

“Refugees are welcome here”, esses foram os gritos que ecoaram nesta quinta-feira em Glasgow, na Escócia. Dois imigrantes indianos foram detidos por supostos crimes de imigração e, enquanto seriam levados pelo Serviço de Imigração, centenas de pessoas se juntaram pedindo que os libertassem.

As pessoas que se juntaram para protestar, eram vizinhos dos dois imigrantes e informaram que não os viam como criminosos. Portanto, os protestos foram com palavras como “deixem nossos vizinhos sair” e “refugiados são bem-vindos aqui”. Logo cercaram a van que os levariam, pedindo sua libertação.

Os dois indianos ficaram detidos por pelo menos sete horas na parte traseira da van, enquanto o advogado Aamer Anwar foi chamado para intermediar as negociações para que houvesse a libertação dos mesmos. O advogado inclusive contou que planejava tirar o dia de folga, já que a detenção se deu no dia do Eid El-Fitr, que é uma celebração que encerra o Ramadã.

Todo esse impasse só foi resolvido quando o chefe da polícia local – que até então não estava envolvida no caso – informou que os dois seriam libertados. A polícia escocesa inclusive, anunciou que a libertação se dava com o intuito de preservar a segurança e a saúde pública dos imigrantes detidos e da população que protestava.

A razão para todo o protesto, chegou até o cenário político. A primeira-ministra Nicola Sturgeon criticou duramente a ação do Serviço de Imigração, alegando que se tratava de algo inaceitável, principalmente por estarmos em meio à pandemia do covid-19 e por ser em um dia de celebração da comunidade muçulmana, atribuindo a culpa por toda a situação ao governo britânico. Por fim, saudou a atitude da polícia na libertação dos mesmos.

Com as críticas ao governo britânico pela sua política de imigração, Sturgeon disse em uma rede social: “Tenho orgulho de representar um eleitorado e liderar um país que acolhe e mostra apoio aos requerentes de asilo e refugiados”.

Ainda que com tamanha repercussão, infelizmente o Ministério do Interior do Reino Unido, de onde a van pertencia, afirmou que continuará com os planos para aceleração das deportações, com o pensamento de que estão “removendo os que não tem o direito de estar no Reino Unido”.

Por outro lado, após este episódio, podemos concluir que felizmente a comunidade escocesa já está mudando seu pensamento em relação aos imigrantes e não os vendo como inimigos, como grande parte dos países vizinhos. Ações como essas nos dão um pouco de esperança de que possam se repetir mundo afora e que possamos evitar injustiças e mais segregação no mundo.

BIBLIOGRAFIA:

https://operamundi.uol.com.br/politica-e-economia/69737/apos-7-horas-de-protesto-populacao-obriga-policia-a-soltar-migrantes-presos-na-escocia

https://g1.globo.com/mundo/noticia/2021/05/15/vizinhos-impedem-que-imigrantes-indianos-sejam-detidos-na-escocia.ghtml

https://www.esquerda.net/artigo/escocia-multidao-obriga-policia-soltar-imigrantes-que-iam-ser-expulsos/74371

SOBRE A AUTORA:
Thiale Pales é bolsista do Centro de Estudos e Pesquisas em Direito Internacional e aluna da Pós-graduação em Direito Internacional do CEDIN.

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *